Tags:, , ,

Urbanismo e Transporte: ações para conter o caos no trânsito de Salvador

- 4 de fevereiro de 2013

Choque de ordem e plano emergencial para a cidade no período da Copa das Confederações já estão sendo feitos

Ana Paula Lima e Raquel Santana

" O mais importante é a conscientização do povo de Salvador, saber que agora tem fiscalização"

 José Carlos Aleluia assumiu a pasta de Urbanismo e Transporte, uma das secretarias mais estratégicas para a cidade. Nesta entrevista, Aleluia fala das principais ações da sua gestão até o momento, da importância da conscientização dos soteropolitanos em relação ao trânsito e sobre transporte alternativo. Além de abordar questões como a priorização de ações em áreas elitizadas.

ID 126 Secretário, percebemos em seu discurso que as propostas da sua pasta pretendem priorizar o transporte público, e para isso, todo o sistema licitatório desse transporte está sendo revisto. Em que pé anda essa revisão? Já podemos apontar algumas conclusões? 

José Carlos Aleluia – A primeira decisão foi que vamos construir uma licitação de um transporte público de Salvador, onde os ônibus, objeto da licitação devem trabalhar para a integração com as linhas de metrô. Isso facilita a concorrência do Estado está tendo para a Linha 1 do sistema de metrô e também valoriza o sistema de transporte de ônibus, que deverá se modernizar, para não concorrer com o metrô, mas que ambos sejam transportes complementares. Nós na cidade hoje, percebemos que existem filas infindáveis de ônibus, muitos deles, passando pelo mesmo lugar, e que precisam ser racionalizados com o metrô, essa é a primeira conclusão. A segunda conclusão é que os ônibus de fato, terão prioridade no transporte público de Salvador.

ID 126-O bilhete único, foi um dos carros chefes da campanha de ACM Neto, já temos previsão de quando ele vai ser implementado?

JCA – Nós estamos trabalhando no sentido de que na licitação estará previsto um bilhete único, mas depende da conclusão da licitação, é um pouco mais demorada, vamos trabalhar esse ano nisso, com a esperança de que a licitação se conclua ainda esse ano.

 ID126 – Andar de bicicleta em Salvador é um desafio. Na terceira maior capital do Brasil, existem apenas 17 km de ciclovias e 2 km de ciclo faixas, localizadas principalmente na orla. Quais as mudanças que vamos ter relacionadas a esse cenário aqui em Salvador? Já que a luta por ciclovias na cidade é antiga.

JCA – As vias a serem construídas, projetadas e construídas, levarão em conta um modal. O modal andar, e o modal pedalar. São coisas que não faziam parte da vida urbana de Salvador e nós vamos procurar implantar um sistema de ciclovias em Salvador. Claro que isso depende de espaço. Vamos quebrar um paradigma, que diz que ciclovias não devem andar em canteiros, porque Salvador é uma cidade muito vocacionada pra isso. Nós temos muitos canteiros, que é usado para fazer cooper, que pode ao lado, conviver com uma ciclovia.

ID126 – Secretário, a mobilidade urbana é um dos principais problemas da cidade, tendo em vista que dentro de alguns meses, Salvador vai sediar um evento de proporções mundiais, como a copa das confederações e poucas mudanças foram feitas para melhora a mobilidade da cidade. Quais medidas emergenciais serão tomadas para evitar um caos no trânsito durante o evento?

JCA – Plano emergencial para a copa das confederações, esse plano foi apresentado à FIFA e está sendo detalhado pela prefeitura, de modo em que nós possamos cumprir , mesmo sem a eventualidade de contarmos com o metrô, possamos cumprir o caderno de obrigações.

ID 126– O Choque de ordem no trânsito começou pela Barra, não deixo de lembrar que Neto em campanha, e mesmo após eleito, disse que áreas mais carentes iriam ser priorizadas. Não esqueço também que a Barra é uma região turística, com maior visibilidade, do que Cajazeiras, por exemplo, mas lá em Cajazeiras, o caos é igual ou talvez seja ainda maior do que o enfrentado na Barra. Por isso, faço a pergunta: Por que começar pela Barra?

JCA – Nós estamos programando isso. Em Cajazeiras, o problema é evidentemente mais grave, porque, existe uma interferência do comércio informal com o transporte, já se vê algum tipo de melhoria, com um deslocamento do comércio, mas nós vamos ter que fazer uma operação mais sistemática que deve acontecer nas próximas semanas.

ID 126 – Secretário, você pode fazer um panorama das ações que vão ser priorizadas nesses primeiros meses de gestão?

JCA – Ordem no trânsito, na operação no trânsito. Os passeios devem ser exclusivos dos pedestres, então, eu acho que o mais importante que nós deixamos foi a mensagem, a mensagem de que tem uma nova ordem no trânsito. Nós estamos trabalhando na questão também do ordenamento e uso do solo, agindo na questão preventiva, sendo rigoroso na análise dos projetos e rigoroso na fiscalização de quem descumpre as determinações da SUCOM.

 ENTREVISTA ALELUIA

 

Leia mais: 

FUTEBOL

Afinal, o VAR traz justiça pro brasileirão?

Implementado este ano na competição, recurso ainda causa controvérsias no meio esportivo Por Caio Marco e Victor Fonseca Desde que se tornou popular mundialmente, o futebol sempre foi marcado por polêmicas, especialmente com relação à arbitragem. Pênaltis decisivos não marcados (ou pênaltis mal marcados), gols de mão, impedimentos, dentre outras controvérsias se mantêm na pauta […]

Caio Marco, Victor Fonseca - 13 de novembro de 2019

Desconectados

Status: Desconectado

Em tempos de relações on-line, jovens baianos andam na contramão e defendem que a boa conexão está fora da tela Por Carlos Magno e Thídila Salim Com um misto de funcionalidades, os smartphones se tornaram peças indispensáveis na vida de muita gente por todo o mundo, seja para auxiliar no trabalho ou para puro lazer. […]

Carlos Magno, Thídila Salim - 13 de novembro de 2019

Futebol feminino

A bola está com elas

Beatriz Rosentina, Elias Santana Malê, Ingrid Medina e Larissa Travassos 13 de novembro de 2019 A bola está no campo e quem veio jogar foram elas, as mulheres, que cada vez mais ganham visibilidade a partir das iniciativas para esta modalidade. Com uma história marcada por mais de 40 anos de proibição da prática no Brasil, a […]

Beatriz, Elias, Ingrid, Larissa - 13 de novembro de 2019

Saúde mental

Saúde mental e vida universitária: Seria a universidade um ambiente tóxico?

Foto: Marcelo Camargo Danilo Gois e Iuri Petitinga O sonho de ingressar em uma universidade pública é algo que acompanha quase todos os estudantes de ensino médio no Brasil. Muitos destes alunos não imaginam que a pressão do período pré-vestibular não para após o ingresso em um curso superior e uma parte destes alunos não consegue […]

Danilo Rodrigues e Fernando Iuri Petitinga - 18 de novembro de 2019

Algodão

Crescimento de 17% na safra de Algodão da Bahia assegura o estado como 2º exportador mundial

Região é explorada desde os anos 1980, marcada pela presença de “baiúchos” Ellen Chaves, Fernando Franco, Welldon Peixoto e Pedro Oliveira Foto: Welldon Peixoto O ano de 2019 já aponta 17% de aumento na safra de algodão no cenário baiano, segunda maior cultura da região. O oeste é responsável pela maior parte da produção do […]

Ellen Chaves, Fernando Franco, Welldon Peixoto - 18 de novembro de 2019

Consumo cultural

Popular para quem? Por trás da dinâmica do consumo cultural em Salvador

Apesar de uma vasta programação cultural e artística,  parte da população de Salvador não frequenta esses eventos  Lizandra Santana, Luciano Marins e Luana Gama Salvador é uma cidade que respira cultura. Por quase todos os cantos encontramos espaços culturais com uma programação diversificada, além de festivais realizados ao longo do ano. Ao mesmo tempo, parte […]

Lizandra Santana, Luciano Marins e Luana Gama - 13 de novembro de 2019