Tags:, , , ,

Top 10: as maiores femmes fatales que você respeita

- 9 de fevereiro de 2017

De Marion Cotillard, passando também pela brasileira Sônia Braga, à Scalett Johanson listamos algumas das maiores femmes fatles do cinema mundial 

Diego Yu e João Bertonie | Imagens: Internet livre

Para além da magia, a imagem da feiticeira é comumente associada à mulher sedutora. No cinema, o arquétipo da femme fatale é o que melhor incorpora a característica da sedução. Sempre presentes na literatura, foi no cinema noir e na era de ouro de Hollywood, em produções de Howard Hawks e Billy Wilder,  que elas conquistaram um posto definitivo.

São moças esbeltas e fatais que desafiam os personagens à sua volta com erotismo e certo ar de superioridade. O ID126 preparou um top 10 com algumas das femmes fatales mais marcantes do cinema e da televisão para a gente se inspirar em ser um pouquinho igual a essas deusas.

Lauren Bacall

A atriz em sua estreia no cinema, com o filme Uma Aventura na Martinica, de 1944. Imagens: Reprodução

Com apenas sua expressão rígida e cabelos milimetricamente penteados, Lauren Bacall conquistou Hollywood, Frank Sinatra e todos nós. Um dos maiores símbolos da era de ouro do cinema americano, só tinha 19 anos quando estreou no cinema com Uma Aventura na Martinica, em 1944. A famosa foto que ela tirou com o então presidente Harry Truman, dois anos depois de debutar nas telas, resume o espírito de Bacall: na imagem, ela está sentada sobre um piano, olhando de cima com um olhar de desdém, mostrando que nem a maior autoridade do país era páreo para esta femme fatale.

Rita Hayworh

Rita Hayworth ficou mundialmente conhecida após jogar o cabelo para trás e olhar misteriosamente para o seu interlocutor, na famosa cena de Gilda (1946). No filme, Rita é a autêntica femme fatale, seduzindo a tudo e a todos e manipulando todos os homens ao seu redor. A cena em que ela canta Put The Blame On Mame prova que a musa do cinema noir merece o seu lugar entre as divas de sua geração, inspirando até a criação da personagem  de animação Jessica Rabbit, da Disney.

Marilyn Monroe

Marilyn em cena de Gentlemen Prefer Blondes, filme de 1953

Talvez a mais famosa femme fatale quando se pensa no auge de Hollywood, a diva sofreu e muito com a confusão entre a vida pública e privada. Nascida Norma Jeane Mortenson, Monroe ficou famosa tanto por seus papéis em filmes como Os Homens Preferem as Loiras, de 1953, quanto pelos acontecimentos da sua vida. Vista como femme fatale também na vida real, se viu envolvida em diversos escândalos, como seu suposto affair com o presidente John F. Kennedy. Símbolo sexual, objetificada, assediada pelos fãs, Marilyn sucumbiu à imagem da fêmea fatal e morreu de uma overdose de remédios para dormir com apenas 36 anos.

Elizabeth Taylor

Elizabeth Taylor vive a icônica Cleópatra, em filme homônimo de 1963

A interpretação de Taylor como Cleópatra é uma das mais marcantes atuações da história do cinema. Iniciada no mundo do cinema como atriz mirim, ela cresceu para se tornar um símbolo de mulher forte e sedutora nos papeis que interpretava, como em Assim Caminha a Humanidade, Cleópatra (filme pelo qual recebeu um pagamento sem precedentes de um milhão de dólares) e Gata em Teto de Zinco Quente. Casada oito vezes com sete homens (casou-se duas vezes com o ator Richard Burton, com quem atuou em 11 filmes), Taylor atraía tanta atenção fora das telas quanto nelas.

 Sônia Braga

Ela nasceu assim, cresceu assim, é mesmo assim, vai ser sempre assim. Sônia Braga já interpretou algumas das mulheres mais marcantes criadas por Jorge Amado, como Gabriela e Dona Flor, e também de Nelson Rodrigues ( A Dama do Lotação). O olhar penetrante, os cabelos cheios e as línguas sempre afiadas de suas personagens fizeram com que Caetano Veloso escrevesse duas músicas inspiradas em Sônia: Tigresa, de 1977, e Trem das Cores, de 1982. Em Aquarius, lançado em 2016, ela provou que ainda continua conjugando o verbo divar em todos os tempos.

 Maria Fernanda Cândido

Outras atrizes podem até tentar, mas Maria Fernanda Cândido é a Capitu definitiva. Tendo vivido a personagem em diferentes momentos, como na minissérie Capitu, de 2008, e no filme Dom, de 2003, a gata nunca evitou exibir os olhos de cigana oblíqua e dissimulada. “Ela tem os olhos de ressaca, um olhar que arrebata e pode afogar quem se sinta atraído por esse mar”, disse Moacy Góes, diretor de Dom, ao Ego, em 2008.

Scalett Johanson

Em Ela, de 2014, a atriz consegue criar uma personagem encantadora sem nem aparecer em tela, apenas com sua voz. Em Os Vingadores, de 2012, interpreta uma espiã russa que luta ao lado ao de deuses e super-humanos. Em A Outra, de 2008, ela tem a corte do rei da Inglaterra em suas mãos. Como muitas mulheres em seu lugar, Johansson é constantemente citada como símbolo sexual, sofrendo objetificação intensa por colegas de trabalho e a mídia de celebridades. Apesar disso, Scalett é uma das poucas great beauties da nossa geração, ocupando lugar de destaque nas telas e nas capas de revista.

 Viola Davis

Viola vive a protagonista de How To Get Away With Murder, em exibição

Viola sempre foi uma atriz respeitada, mas foi na badalada série How To Get Away With Murder, da ABC, que ela nos mostrou o poder que a advogada tem. A retórica de Annalise Keating, grande chamariz da trama, não é a única ferramenta que a personagem usa para conseguir o que quer: a cada episódio do seriado produzido por Shonda Rhimes, a premiadíssima Viola dá aulas de como seduzir nos tribunais, de como conquistar qualquer um(a), utilizando apenas uma voz sedutora e umas mexidas no cabelo.

Penélope Cruz

Almodóvar é conhecido pelas suas personagens femininas fortes, complexas, e, muitas vezes, sedutoras. Penélope Cruz parece ser uma das epítomes dessa imagem. A colaboração dos dois começou em Carne Trêmula, de 1997, e culminou dois anos depois, com Tudo Sobre Minha Mãe, que a concedeu atenção internacional.

 Marion Cotillard

Marion em Macbeth, de 2015

A lista não estaria completa sem a presença da mais recente interpretação de uma das mais antigas femme fatales da história: Lady Macbeth. A personagem, sombria, complexa, é uma das maiores anti-heroínas da ficção, responsável por induzir Macbeth, no filme homônimo de 2015, a ir às últimas consequências por poder, e pagando um preço alto por isso. Com seus olhos profundos e expressivos, Cotillard consegue transmitir inúmeras emoções. Em A Origem, de 2010, por sua vez, ela interpreta uma femme fatale arquetípica, com todos os tropos do papel, ainda que, no fim das contas, seja apenas uma ilusão.

Especial

Guerra da Água

No cerrado baiano, o agronegócio impacta a sobrevivência das comunidades tradicionais. A reportagem em áudio conta como a população de Correntina, no oeste da Bahia, tem sofrido ameaças e resistido à disputa por água em seu te Dê play e saiba mais sobre essa história. Material produzido a partir da proposta de pauta vencedora da […]

Leonardo Lima e Luísa Carvalho - 13 de dezembro de 2021

Editorial

Investigação participativa: reportagens que colocam o leitor no centro da história

Profa. Lívia Vieira As 13 reportagens multimídia feitas pela turma de Oficina de Jornalismo Digital em 2021.2 tiveram como base o conceito de investigação participativa. O termo, que em inglês é conhecido como engagement reporting, foi discutido em uma aula especial que tivemos com Giulia Afiune, editora de Audiências da Agência Pública. Na ocasião, Giulia […]

Profa. Lívia Vieira - 2 de dezembro de 2021


Racismo religioso

Salvador ainda é um ambiente inseguro para os praticantes de religiões afro

Dentro de casa ou no trabalho, praticantes de religiões de matrizes africanas relatam dificuldades na tentativa de exercer seu direito ao culto religioso. Expressões depreciativas, ataques a terreiros, xingamentos e até agressões. É assim que o racismo religioso se traveste de “opinião” em diversas partes do Brasil – incluindo Salvador, – uma das cidades mais […]

Josivan Vieira e Gabriele Santana - 1 de dezembro de 2021

Meio Ambiente

Salvador, primeira cidade planejada do Brasil, sofre com falta de infraestrutura

Habitantes de Salvador relatam problemas dos bairros onde vivem e denunciam falta de assistência do poder público. Os moradores de Salvador têm orgulho de dizer que vivem na primeira capital do Brasil. De propagandas até conversas em mesa de bar, soteropolitanos e pessoas que adotaram a cidade do axé e do dendê se gabam de […]

Brenda Roberta, Inara Almeida e Maysa Polcri - 1 de dezembro de 2021

Direito ao transporte

Assaltos a ônibus assustam população de Salvador

Cidadãos que dependem do transporte público relatam a experiência de insegurança cotidiana, embora Secretaria de Segurança Pública afirme que houve redução no número de assaltos a ônibus. Por Gilberto Barbosa, Leonardo Oliveira e Cesar Oliveira Os assaltos a ônibus são uma constante e assustam a população de Salvador que depende do transporte público para seguir […]

Gilberto Barbosa, Leonardo Oliveira e Cesar O. - 1 de dezembro de 2021

Direito à Cultura

Consumo de livros digitais aumenta e obras físicas têm baixa durante pandemia de Covid-19

Especialistas explicam que pandemia impulsionou mudança em formato de leitura. Por Adele Robichez, Felipe Aguiar, Nathália Amorim, Vinícius Harfush Um levantamento realizado pela reportagem em Salvador indicou que as pessoas passaram a consumir mais livros no formato digital durante a pandemia de covid-19. Segundo a pesquisa, que selecionou 68 moradores da capital para responder perguntas […]

Adele R, Felipe A, Nathália A, Vinícius H - 1 de dezembro de 2021

Economia criativa

Os desafios de viver de arte durante a pandemia

Assim como nós humanos, a economia foi imensamente impactada pelo distanciamento social, mas, felizmente, uma possível vacina para curar o problema já existe, e se chama criatividade. Não é exagero afirmar que nenhum brasileiro e nenhuma brasileira escapou ileso dos diversos e inesperados desafios vividos nos anos de 2020 e 2021. E eles têm um […]

Paulo Marques - 1 de dezembro de 2021

Direito à religião

Comunidades de matriz africana lutam por prática religiosa em espaços públicos de Salvador

Intervenções em locais comunitários preocupam terreiros que dependem da vegetação natural para exercer cultos Por Geovana Oliveira, Luana Lisboa, Victor Hugo Meneses e João Marcelo Bispo Até hoje, a vodunsi Mãe Cacau se emociona ao falar sobre o início das obras para a Estação Elevatória de Esgoto na Lagoa do Abaeté. Quando as máquinas chegaram […]

Geovana, Luana, Victor Hugo e João Marcelo - 1 de dezembro de 2021

Ordem de despejo

O caso da comunidade do Tororó, em Salvador, e a violação do direito à moradia

Moradores recebem ordem de despejo da localidade que está sendo especulada para construção de um estacionamento de um novo Shopping Center “Como os moradores são quase todos do mercado informal, a prefeitura ligava para eles e oferecia dinheiro. Como estavam todos sem dinheiro, começaram a negociar com a prefeitura. Nisso, com quem já tinha negociado, […]

Álene Rios, Júlia Lobo e Thainara Oliveira - 1 de dezembro de 2021

Cinema de rua

Histórias de quem viveu o cinema de rua de Salvador

Entenda o que aconteceu entre a época de ouro do cinema de rua e a expansão das grandes redes Tomar um café enquanto espera o horário do filme, entrar numa sala de cinema pequena, com menos de 100 lugares, para assistir a uma produção nacional. Esse ritual, muito comum até a década de 1990, é […]

Carol Cerqueira, Catarina Carvalho e Maria Andrade - 1 de dezembro de 2021

Direito à mobilidade

Pessoas com deficiência denunciam falta de acesso ao transporte de Salvador

Falta de fiscalização afeta funcionamento de elevadores em coletivos. Gabrielle Medrado, Gustavo Arcoverde, Marcela Villar e Rafaela Dultra Cadeirante desde 2014 após uma tentativa de assalto, o baiano Luan Veloso, 32, é paracanoísta profissional e terceiro colocado no ranking dos melhores do Brasil na maratona de sua categoria, a KL1, na qual atletas utilizam como […]

Gabrielle Medrado,Gustavo Arcoverde,Marcela Villar - 1 de dezembro de 2021

RAP em Salvador

O ritmo não para: batalhas de rima movimentam a cultura nas comunidades

Batalhas de rap voltam a acontecer em Salvador após suspensão causada pela pandemia de Covid-19 Após quase um ano e meio da pandemia de Covid-19, o setor artístico e cultural soteropolitano começou a tomar fôlego com a última fase de retomada das atividades econômicas, decretada pela prefeitura da capital baiana no dia 9 de julho […]

Danielle Campos, Kamille Martinho, Renata Falcone - 1 de dezembro de 2021

Direito à Segurânça

Não vá que é barril: A violência contra motoristas de aplicativo em Salvador

“Foi quando ele pegou a arma e apontou na minha cara, aí foi complicado”. Estamos na rua Candinho Fernandes, Fazenda Grande do Retiro, Salvador. São 8h30 da noite do dia 23 de dezembro de 2019, perto da véspera de Natal. Anselmo Cerqueira, que é motorista por aplicativo, está com o carro estacionado. Dois homens se […]

Adriano Motta, Lula Bonfim e Victor Lucca Ferreira - 1 de dezembro de 2021

Gerar problemas não é saudável

Consumidores relatam transtornos e dificuldades com planos de saúde

Mensalidades  subiram  quase 50% este ano, conforme aponta um levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) Por Andressa Franco, Everton Ruan e Laisa Gama No dia 25 de Março, Maria*, grávida de cinco meses, precisou ser encaminhada às pressas para o Hospital Santo Amaro. Ao chegar lá, precisou realizar uma cesária de […]

Andressa Franco, Everton Ruan e Laisa Gama - 1 de dezembro de 2021