Tags:, , , ,

Crítica: o diário de viagem de uma rainha do drama

- 14 de setembro de 2016

A história é baseada no livro Comer, rezar, amar de Elizabeth Gilbert 

Marcos Maia | Foto: Sony Pictures | Divulgação 

Em Comer, Rezar e Amar (Eat, Pray and Love, 2010), Julia Roberts interpreta Elizabeth Gilbert, uma escritora divorciada em busca de sua individualidade. Na jornada, ela passa pela Itália, Índia e Bali, onde conclui seu caminho de maneira convencionalmente romântica.

A história adapta a autobiografia de 2006 e que logo de cara virou o livro de cabeceira de um monte de gente, principalmente mulheres, com algum instrução formal e muita frustração com a própria vida.

Sendo assim, a adaptação dirigida e roteirizada por Ryan Murphy (showrunner da antologia American Horror Story) acompanha uma verdadeira rainha do drama em sua própria jornada existencial.

Por mais que cause empatia, Gilbert é uma pessoa que passa a impressão de que o mundo existe principalmente para satisfazer suas necessidades e desejos. Ela gosta de cultura e tem um senso de humor incomum para alguém em busca espiritual.

A atriz Julia Roberts vive protagonista que tenta redescobrir prazer de comer, rezar e amar

Dito isso, a falta de densidade dramática na motivação da protagonista incomoda. Ela quer comer, quer Deus, quer amar e, depois de alguma hesitação, transar. Contudo, por que essa mulher sentiu tanta necessidade de tomar atitudes tão extremas atrás disso?

O recurso do voce over é usado de maneira desleixada e demasiada no primeiro ato do filme para falar de uma vida infeliz, principalmente no aspecto amoroso. Contudo, esse mar de lágrimas é pouco mostrado em situações que expliquem tamanho aborrecimento.

Vejamos o primeiro marido de Liz, vivido por Billy Crudup. Ele é retratado como alguém essencialmente indeciso apesar da inteligência. Sem se aprofundar muito naquele homem, o roteiro o reduz a um completo cretino por, aparentemente, só querer voltar a estudar.

Bem talvez, ele realmente não faça ideia do quer da vida profissional, mas o filme não dá muito mais do que duas ou três cenas lacônicas para o espectador tirar suas conclusões. Dessa forma, Crudup se transforma em um palhaço careteiro com explosões emocionais forçadas.

Já o companheiro subsequente de Liz, interpretado por James Franco, é um cara essencialmente confuso. O desempenho de Franco é marcado pelo charme de olhos sonolentos e sorriso estúpido do ator. E só.

Dúvida

A protagonista se envolve com esses tipos, e o espectador se pergunta o que diabos levou aquela mulher a querer dividir sua vida com aqueles homens. Sua insatisfação pode não ser aleatória, mas sem dúvidas é mal construída pelo roteiro.

Dessa forma, quando Liz conta a uma amiga (Viola Davis) que irá viajar pelo mundo, ela parece uma adolescente chorona e escandalosa, que grita de maneira dramática o quanto se sente morta por dentro.

É quando a narrativa parte para o estilo road movie com uma latente burocracia. A fotografia de Robert Richardson é correta, inunda a tela de luz, mas a direção move a câmera rápido demais e de maneira óbvia em torno das locações.

A Itália oferece a Liz um retorno à vida do corpo, com sutis referencia a sensualidade e nenhum romance. Nesse sentido, a cena em que ela come um prato de macarronada tem uma montagem intercalada interessante, entre planos detalhes da comida e um casal de namorados.

Tudo é agradável de uma maneira curiosamente inócua. A heroína aprende italiano, vagueia por ruas estreitas e faz amizade com gente charmosa. O filme mantém o interesse sem emissividade. É como ir ao restaurante e ficar interessado pela conversa da mesa ao lado.

 

Meditação

Em seguida, na Índia, a busca de Liz segue focada pelo viés da fé. Nesse seguimento, Murphy é respeitoso em retratar aqueles credos mesmo que recorra a todos os clichês que o olhar ocidental desenvolveu a respeito do assunto. É o segmento mais fraco do filme.

Vemos a protagonista tentando meditar a todo o custo, ao passo que a direção não parece disposta a dar mais tempo de tela para esses momentos. É sugerido que a essência da meditação é interna, inefável e de difícil alcance, mas isso não é mostrado.

O longa só não se perde por completo graças ao desempenho de Richard Jenkins. Seu “Richard do Texas” é o oposto dos homens calmos e reprimidos que costuma interpretar. Ele equilibra a agressividade e capacidade de despertar empatia com toda a culpa e raiva que sente.

Raiva que é despejada em Liz, intimidando-a, puxando-a do seu lugar comum. Ninguém trata Liz bruscamente, a não ser ele. Richard é como uma força maior que Liz precisa enfrentar. De certa forma ela passa no teste, e ainda ganha o respeito e amizade do cara.

Superada a “Busca por Deus”, Liz viaja para Bali e conhece Felipe. O personagem de Javier Bardem tem belos olhos castanhos e disponibilidade para um romance meloso, apesar do coração partido (“Joo têm medo de amar de novo!”, salienta o guru banguela).

Por fim, a jornada por individualidade e autodescoberta de um ano da nossa heroína encontra seu clímax em um par de calças que  lhe fará superfeliz. Parabéns, a todos que ajudaram Julia Roberts a se encontrar para que ela pudesse experimentar o amor verdadeiro.

Está longe de ser o pior filme do mundo, mas é obvio e totalmente esquecível.

Especial

Guerra da Água

No cerrado baiano, o agronegócio impacta a sobrevivência das comunidades tradicionais. A reportagem em áudio conta como a população de Correntina, no oeste da Bahia, tem sofrido ameaças e resistido à disputa por água em seu te Dê play e saiba mais sobre essa história. Material produzido a partir da proposta de pauta vencedora da […]

Leonardo Lima e Luísa Carvalho - 13 de dezembro de 2021

Editorial

Investigação participativa: reportagens que colocam o leitor no centro da história

Profa. Lívia Vieira As 13 reportagens multimídia feitas pela turma de Oficina de Jornalismo Digital em 2021.2 tiveram como base o conceito de investigação participativa. O termo, que em inglês é conhecido como engagement reporting, foi discutido em uma aula especial que tivemos com Giulia Afiune, editora de Audiências da Agência Pública. Na ocasião, Giulia […]

Profa. Lívia Vieira - 2 de dezembro de 2021


Racismo religioso

Salvador ainda é um ambiente inseguro para os praticantes de religiões afro

Dentro de casa ou no trabalho, praticantes de religiões de matrizes africanas relatam dificuldades na tentativa de exercer seu direito ao culto religioso. Expressões depreciativas, ataques a terreiros, xingamentos e até agressões. É assim que o racismo religioso se traveste de “opinião” em diversas partes do Brasil – incluindo Salvador, – uma das cidades mais […]

Josivan Vieira e Gabriele Santana - 1 de dezembro de 2021

Meio Ambiente

Salvador, primeira cidade planejada do Brasil, sofre com falta de infraestrutura

Habitantes de Salvador relatam problemas dos bairros onde vivem e denunciam falta de assistência do poder público. Os moradores de Salvador têm orgulho de dizer que vivem na primeira capital do Brasil. De propagandas até conversas em mesa de bar, soteropolitanos e pessoas que adotaram a cidade do axé e do dendê se gabam de […]

Brenda Roberta, Inara Almeida e Maysa Polcri - 1 de dezembro de 2021

Direito ao transporte

Assaltos a ônibus assustam população de Salvador

Cidadãos que dependem do transporte público relatam a experiência de insegurança cotidiana, embora Secretaria de Segurança Pública afirme que houve redução no número de assaltos a ônibus. Por Gilberto Barbosa, Leonardo Oliveira e Cesar Oliveira Os assaltos a ônibus são uma constante e assustam a população de Salvador que depende do transporte público para seguir […]

Gilberto Barbosa, Leonardo Oliveira e Cesar O. - 1 de dezembro de 2021

Direito à Cultura

Consumo de livros digitais aumenta e obras físicas têm baixa durante pandemia de Covid-19

Especialistas explicam que pandemia impulsionou mudança em formato de leitura. Por Adele Robichez, Felipe Aguiar, Nathália Amorim, Vinícius Harfush Um levantamento realizado pela reportagem em Salvador indicou que as pessoas passaram a consumir mais livros no formato digital durante a pandemia de covid-19. Segundo a pesquisa, que selecionou 68 moradores da capital para responder perguntas […]

Adele R, Felipe A, Nathália A, Vinícius H - 1 de dezembro de 2021

Economia criativa

Os desafios de viver de arte durante a pandemia

Assim como nós humanos, a economia foi imensamente impactada pelo distanciamento social, mas, felizmente, uma possível vacina para curar o problema já existe, e se chama criatividade. Não é exagero afirmar que nenhum brasileiro e nenhuma brasileira escapou ileso dos diversos e inesperados desafios vividos nos anos de 2020 e 2021. E eles têm um […]

Paulo Marques - 1 de dezembro de 2021

Direito à religião

Comunidades de matriz africana lutam por prática religiosa em espaços públicos de Salvador

Intervenções em locais comunitários preocupam terreiros que dependem da vegetação natural para exercer cultos Por Geovana Oliveira, Luana Lisboa, Victor Hugo Meneses e João Marcelo Bispo Até hoje, a vodunsi Mãe Cacau se emociona ao falar sobre o início das obras para a Estação Elevatória de Esgoto na Lagoa do Abaeté. Quando as máquinas chegaram […]

Geovana, Luana, Victor Hugo e João Marcelo - 1 de dezembro de 2021

Ordem de despejo

O caso da comunidade do Tororó, em Salvador, e a violação do direito à moradia

Moradores recebem ordem de despejo da localidade que está sendo especulada para construção de um estacionamento de um novo Shopping Center “Como os moradores são quase todos do mercado informal, a prefeitura ligava para eles e oferecia dinheiro. Como estavam todos sem dinheiro, começaram a negociar com a prefeitura. Nisso, com quem já tinha negociado, […]

Álene Rios, Júlia Lobo e Thainara Oliveira - 1 de dezembro de 2021

Cinema de rua

Histórias de quem viveu o cinema de rua de Salvador

Entenda o que aconteceu entre a época de ouro do cinema de rua e a expansão das grandes redes Tomar um café enquanto espera o horário do filme, entrar numa sala de cinema pequena, com menos de 100 lugares, para assistir a uma produção nacional. Esse ritual, muito comum até a década de 1990, é […]

Carol Cerqueira, Catarina Carvalho e Maria Andrade - 1 de dezembro de 2021

Direito à mobilidade

Pessoas com deficiência denunciam falta de acesso ao transporte de Salvador

Falta de fiscalização afeta funcionamento de elevadores em coletivos. Gabrielle Medrado, Gustavo Arcoverde, Marcela Villar e Rafaela Dultra Cadeirante desde 2014 após uma tentativa de assalto, o baiano Luan Veloso, 32, é paracanoísta profissional e terceiro colocado no ranking dos melhores do Brasil na maratona de sua categoria, a KL1, na qual atletas utilizam como […]

Gabrielle Medrado,Gustavo Arcoverde,Marcela Villar - 1 de dezembro de 2021

RAP em Salvador

O ritmo não para: batalhas de rima movimentam a cultura nas comunidades

Batalhas de rap voltam a acontecer em Salvador após suspensão causada pela pandemia de Covid-19 Após quase um ano e meio da pandemia de Covid-19, o setor artístico e cultural soteropolitano começou a tomar fôlego com a última fase de retomada das atividades econômicas, decretada pela prefeitura da capital baiana no dia 9 de julho […]

Danielle Campos, Kamille Martinho, Renata Falcone - 1 de dezembro de 2021

Direito à Segurânça

Não vá que é barril: A violência contra motoristas de aplicativo em Salvador

“Foi quando ele pegou a arma e apontou na minha cara, aí foi complicado”. Estamos na rua Candinho Fernandes, Fazenda Grande do Retiro, Salvador. São 8h30 da noite do dia 23 de dezembro de 2019, perto da véspera de Natal. Anselmo Cerqueira, que é motorista por aplicativo, está com o carro estacionado. Dois homens se […]

Adriano Motta, Lula Bonfim e Victor Lucca Ferreira - 1 de dezembro de 2021

Gerar problemas não é saudável

Consumidores relatam transtornos e dificuldades com planos de saúde

Mensalidades  subiram  quase 50% este ano, conforme aponta um levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) Por Andressa Franco, Everton Ruan e Laisa Gama No dia 25 de Março, Maria*, grávida de cinco meses, precisou ser encaminhada às pressas para o Hospital Santo Amaro. Ao chegar lá, precisou realizar uma cesária de […]

Andressa Franco, Everton Ruan e Laisa Gama - 1 de dezembro de 2021